Número total de visualizações de página

10/05/11

Lei Hermética - Fonte: Sem Fronteiras para o Sagrado / Hermetismo / Tat Tvam Asi

Ao ler o título da apresentação, lembrei do significado da palavra hermético: um fechamento perfeito - um recipiente hermético. Deriva do nome Hermes Trismegisto, o deus egípcio Toth, que é uma representação do poder intelectual. Do nome de Hermes derivou o termo "hermético" e o "hermetismo", que significam "aquilo que é fechado, restrito".

Na minha pesquisa, a melhor definição para o hermetismo consiste, de forma sincrética, no estudo e prática da evolução e expansão da consciência humana até a Consciência divina, penetrando assim nos mais profundos mistérios da Criação, o que ficou conhecido como iniciação ou iluminação no Oriente.

São sete as principais leis herméticas, estas se baseiam nos princípios incluídos no livro "O Caibalion" que reúne os ensinamentos básicos da Lei que rege todas as coisas manifestadas. A palavra Caibalion seria um derivado grego da mesma raiz da palavra Cabala que, em hebraico, significa "recepção".

Lei do Mentalismo: "O Todo é Mente; o Universo é mental."

Lei da Correspondência: "O que está em cima é como o que está em baixo. E o que está em baixo é como o que está em cima."

Lei da Vibração: "Nada está parado, tudo se move, tudo vibra."

Lei da Polaridade: "Tudo é duplo, tudo tem dois pólos, tudo tem o seu oposto. O igual e o desigual são a mesma coisa. Os extremos se tocam. Todas as verdades são meias-verdades. Todos os paradoxos podem ser reconciliados."

Lei do Ritmo: "Tudo tem fluxo e refluxo, tudo tem suas marés, tudo sobe e desce, o ritmo é a compensação."

Lei do Gênero: "O Gênero está em tudo: tudo tem seus princípios, masculino e feminino, o gênero manifesta-se em todos os planos da criação."

Lei de Causa e Efeito: "Toda causa tem seu efeito, todo o efeito tem sua causa, existem muitos planos de causalidade, mas nenhum escapa à Lei."


A energia mental é dádiva de Deus e só deve ser utilizada para bons propósitos e com boas intenções.”  
(Arnold Krumm-Heller Huiracocha)








Sem comentários:

Enviar um comentário